sábado, 20 de março de 2010

Relógio tem mostrador feito de cocô de dinossauro - viaqui: eramos6

Material exótico tem cerca de 100 milhões de anos

No mundo dos relógios de luxo, quanto mais exótica a origem dos materiais, melhor. É por isso que o “Coprolite”, da relojoaria suíça Artya, chama a atenção. Como diz o nome, seu mostrador é feito de “coprólito”, que nada mais é que o nome científico para cocô fossilizado, nesse caso de dinossauros.

Coprólitos são importantes para a ciência, pois através dos restos de alimentos encontrados nas fezes de um animal é possível determinar sua dieta e deduzir seu comportamento. O material usado no relógio da Artya veio de “um herbívoro que morreu há cerca de 100 milhões de anos no que hoje é o território dos Estanos Unidos”, diz uma nota na Associated Press.

O relógio tem 25 jóias, vidro de Safira com tratamento anti-reflexo e pode ser submerso a profundidades de até 30 metros. Os “restos” de dinossauros não são o único material exótico: a pulseira é feita de couro tratado do sapo-cururu (Bufo Marinus). Quando vivo, o animal secreta uma série substâncias (Bufotoxinas) que recobrem sua pele e o tornam extremamente tóxico, protegendo-o dos predadores.

O Coprolite já está à venda, pela bagatela de US$ 11.290. Mais informações no site oficial

via: http://br.noticias.yahoo.com/s/18032010/7/tecnologia-negocios-relogio-mostrador-coco-dinossauro.html

Stumble Upon Toolbar

Nenhum comentário: